19/04/2018

Cerveja inaugura academia com objetivo de treinar garçons para bares e restaurantes do Rio

Com a proposta de qualificar a mão de obra de garçons que atendem nos bares e restaurantes do Rio de Janeiro, a Antárctica criou a Academia da BOA. Ela é a expansão de um projeto que começou em 2017, o Boteco Coisa BOA, que destinava o lucro da venda de um combo especial em bares cadastrados para um curso que contribuiu para a capacitação e para a geração de empregos para alguns dos cerca de 100 garçons participantes.

Inaugurada ontem, a Academia da BOA foi idealizada pela cerveja para ser um curso gratuito de capacitação e reciclagem de garçons. A proposta é formar 500 pessoas para o mercado de trabalho ainda este ano, sendo: 300 novos garçons e 200 profissionais reciclados. O desenvolvimento do conhecimento e da metodologia do programa educacional serão feitas pelo Senac-RJ, garantindo que as modalidades do curso tenham a chancela do Ministério da Educação.

As aulas da primeira turma começaram nesta terça-feira. O currículo será uma combinação entre a formação tradicional e aulas especiais. Os inscritos aprenderão técnicas para um atendimento mais simpático, conhecimentos sobre a marca e sobre o universo cervejeiro e do bar. Haverá treinamento prático em um bar real.

O curso acontecerá no espaço da Academia da Boa, na Fundição Progresso, na Lapa. O espaço está dividido entre bar, na parte da frente, e salas de aula, na parte dos fundos. O local foi escolhido por ser um bairro boêmio, com muitos restaurantes e bares que contribuíram para o legado cultural da cidade. A Academia da BOA acontecerá ao longo do ano. A ideia é que o projeto seja um portal de conhecimento, de valorização e apoio ao garçom.
Inscrições:
Os interessados em informações sobre o projeto ou inscrição para turmas podem se informar em www.antarctica.com.br/academiadaboa ou pelo e-mail projetoacademiadaboa@rj.senac.br.
Fonte: Jornal Extra
Cerveja inaugura academia com objetivo de treinar garçons para bares e restaurantes do Rio